Benefícios para a Saúde



Para as pessoas que são agradadas por algum/alguns sons dentro da gama de possibilidades do didgeridoo, praticar o tocar didgeridoo pode vir a ser uma excelente maneira de despertar a criatividade e a espontaneidade, como também uma oportunidade para relaxar a mente acelerada, podendo assim descansar e preservar energia deixando-a mais aguçada para atuar em momentos específicos. Apesar do didgeridoo ser um instrumento sagrado utilizado para a meditação e auto-conhecimento, pode ser usado também para o lazer e arte. Todos aqueles que tocam o didgeridoo e desenvolvem sua técnica básica de respiração circular observam os benefícios para a saúde e o grande bem estar que trás ao tocá-lo. Para tocar o didgeridoo basta estar presente. (Estar aqui-e-agora, inteiro no momento).

Praticar Didgeridoo aumenta a amplitude respiratória e a capacidade da respiração, além disso, em algumas patologias, também auxilia significativamente o tratamento de doenças respiratórias. Pode ajudar também aqueles que trabalham com a retenção do fôlego, para aprenderem técnicas novas de respiração, retenção de ar, controle do diafragma bem como os outros órgãos e músculos que auxiliam na respiração. Para quem busca qualquer aprimoramento em respiração e retenção de ar, este é um caminho considerado sagrado.

Em uma pesquisa científica publicada pelo British Medical Journal, conclui-se que tocar Didgeridoo ajuda a reduzir o ronco e a Síndrome da Apnéia Obstrutiva do Sono, melhorando também a sonolência diurna decorrente desses dois distúrbios, provavelmente por fortalecer a musculatura das vias aéreas superioras, reduzindo assim a sua tendência, nesses distúrbios, de colapsar durante o sono.